Ouça agora na Rádio

N Notícia

O Diário

FOTO: O Diário

Morte de pai e filho: polícia precisou inserir nome de assaltante na Interpol

Região

Estância Velha – Na manhã desta quinta-feira, a Polícia Civil deu detalhes da tramitação realizada para trazer de volta ao RS o assaltante Davi dos Santos Mello, 20 anos, acusado de participar do latrocínio que vitimou pai e filho em abril.

De acordo com o delegado Márcio Niederauer, para que a polícia argentina liberasse o assaltante, foi necessário incluir o nome dele na lista vermelha da Interpol. Essa tramitação exigiu o engajamento da Polícia Federal e do Poder Judiciário de Estância Velha.

Na segunda-feira à noite, o nome de Davi já estava na lista e foi iniciada a operação para buscar o criminoso na sede da Polícia Federal, em Foz do Iguaçu, no Paraná. Os policiais estancienses saíram ontem do Paraná e chegaram nesta madrugada em São Leopoldo, onde foi registrada a ocorrência da sua prisão.

FONTE: O Diário
Link Notícia